Sábado, 21 Julho 2018

Júri condena acusado de estrangular companheira

Publicado em Policial Sexta, 29 Junho 2018 20:48
Avalie este item
(0 votos)

O Júri Popular condenou na segunda-feira, 18, Gleicimar da Silva Santos, acusado de estrangular a companheira, Suelen Madalena Alexandre Santos, até à morte, no dia 04 de janeiro de 2017. Ele foi sentenciado a 14 anos e três meses de prisão, pelo homicídio praticado por motivo torpe e cruel e ocultação de cadáver, já que, de acordo com os autos, escondeu o corpo no aterro, no Parque Jardim.

Também se sentou no banco dos réus, na quarta-feira, 18, Cláudio Geraldo Morais de Queiroz, que tentou assassinar Lucas Tarciano da Silva, em 13 de abril de 2017, no Nogueira Machado. O homem, que efetuou cinco disparos contra a vítima, recebeu a pena de oito anos de detenção

Deixe um comentário

FACEBOOK

NOTÍCIAS

asdadasd