Segunda, 21 Agosto 2017

Cartório Eleitoral inicia recadastramento biométrico

Publicado em Política Segunda, 07 Agosto 2017 14:58
Avalie este item
(0 votos)

O Cartório Eleitoral de Itaúna iniciou o processo de recadastramento biométrico dos eleitores atendidos pela unidade. O procedimento ainda não é obrigatório e está sendo realizado conforme surgem demandas para novos títulos, transferências e regularizações. 

A novidade começou a ser divulgada esta semana, com a intenção de evitar filas no futuro, a partir da antecipação do processo. O chefe do Cartório Eleitoral, Euder Monteiro, ressalta que a biometria ainda não será exigida nas próximas eleições, devendo ser cobrada somente a partir de 2020. “Mas, quem quiser adiantar, pode nos procurar”, comenta. 

Em Minas Gerais, a identificação biométrica para as urnas teve início em 2009. De acordo com informações do Tribunal Regional Eleitoral, a medida visa modernizar o processo eleitoral em todo o país e já foi adotada em diversas cidades da região, como Pará de Minas e Divinópolis. Nas eleições de 2016, cerca de 1,5 milhões de eleitores votaram usando a biometria em 249 municípios mineiros.

Deixe um comentário

FACEBOOK

NOTÍCIAS

asdadasd