Segunda, 20 Novembro 2017

Ações da Estratégia de Saúde da Família do bairro Itaunense ajudam no diagnóstico precoce de doenças

Publicado em Saúde Segunda, 30 Outubro 2017 08:43
Avalie este item
(0 votos)

 

Por meio da Estratégia Saúde da Família – ESF - é possível identificar as fragilidades que acometem os moradores de cada região, com ações preventivas desenvolvidas por equipe multidisciplinar, incluindo os agentes comunitários, responsáveis por levar aos domicílios as informações educativas e dos serviços prestados nas unidades. Além disso, esses profissionais coletam dados a respeito de doenças predominantes na microárea, mecanismos de transmissão e medidas de prevenção e controle, entre outros trabalhos.

Dentro desse contexto, a ESF do Itaunense tem conseguido auxiliar na identificação de enfermidades entre os moradores da região antes cheguem a estágios mais avançados, por meio de diferentes atividades realizadas no bairro. A unidade tem hoje 938 famílias cadastradas, são 3.709 inscritos, números referentes apenas à população local. 

Para acompanhar da melhor forma possível o público do bairro, a coordenação mapeou a localização dos grupos que precisam de atendimento frequente. Atualmente 23 grávidas recebem atenção especial no posto, que também monitora quatro pessoas acamadas, 22 crianças menores de um ano, 184 diabéticos, 402 hipertensos e 419 idosos. 

“Entre as funções da ESF, está o acompanhamento de doenças crônicas, hipertensão, diabetes, hanseníase e tuberculose. Também monitoramos idosos, gestantes, crianças de baixo peso. No caso do idoso, as consultas podem ser marcadas em todos os dias de atendimento, em qualquer horário, durante o expediente da unidade. Ele não precisa pegar fila, é prioridade”, explicou a enfermeira Maria Isabel Faria Dantes. 

Atualmente a equipe conta com uma médica, uma enfermeira, seis agentes comunitários de saúde e dois técnicos de enfermagem, além de um fisioterapeuta. Através de campanhas e ações educativas, a unidade já conseguiu evitar que enfermidades se desenvolvessem entre moradores do bairro, podendo chegar a estados mais críticos. 

“No início deste mês realizamos uma ação na praça, na qual medimos pressão e glicose e também fizemos 55 testes rápidos para sífilis, HIV, hepatite B e hepatite C. Desses, três deram reagentes para sífilis. Imediatamente marcamos consultas para essas pessoas”, contou Maria Isabel. 

O diagnóstico precoce desse tipo de doença é fundamental para evitar possíveis complicações futuras, principalmente no caso da sífilis, que, sem tratamento, pode se espalhar pelo corpo. 

Também por intermédio da ESF do Itaunense uma moradora descobriu que estava com câncer de mama e pôde começar o tratamento rapidamente. “Em janeiro, quando o Caminhão da Mamografia veio a Itaúna, nós fizemos, por meio das agentes comunitárias, uma busca ativa de quais mulheres acima de 50 anos precisavam fazer o exame e entramos em contato para o encaminhamento. Uma delas descobriu a enfermidade e, a partir do diagnóstico, começamos o acompanhamento da paciente, que agora está se tratando”, relatou a enfermeira. 

Com a vinda do Caminhão da Mamografia, 150 exames foram encaminhados pela unidade de saúde. 

Outubro Rosa 

Neste mês, a campanha de combate ao câncer foi intensificada em todas as unidades de saúde da cidade. Na ESF do bairro Itaunense estão sendo realizados pedidos para exame de mamografia todos os dias. Além disso, todas as quartas-feiras, a unidade realiza o preventivo.  

Durante a mobilização do Outubro Rosa, a ESF fez mais de 100 pedidos de exames de mamografia. No sábado passado, 21, a unidade participou do Dia “D”, que reforçou a prevenção do câncer de mama e de colo do útero, aberta à comunidade das 07 às 12 horas, promovendo ações educativas e outras atividades.

“No Dia ‘D’ nós tivemos um café da manhã, realizamos uma caminhada, palestras, sorteios de brindes e ensinamos as mulheres a fazerem o autoexame. Participaram dessa iniciativa 44 pessoas”, disse Maria Isabel. 

Controle ao tabagismo 

Das seis pessoas que participaram do último grupo de controle ao tabagismo da unidade de saúde do bairro Itaunense, quatro conseguiram parar de fumar. Os encontros recomeçam em 09 de novembro e serão todas as quintas-feiras, às 14 horas, na ESF.  

 

 

Deixe um comentário

FACEBOOK

NOTÍCIAS

asdadasd