Segunda, 28 Maio 2018

Semana de Prevenção ao Aedes aegypti reforça mobilização contra dengue em Itaúna

Publicado em Saúde Segunda, 07 Maio 2018 17:51
Avalie este item
(0 votos)

Quatro bairros identificados com o maior número de focos do mosquito transmissor da dengue estão na mira da Secretaria Municipal de Saúde para receber reforço nas estratégias de enfrentamento ao inseto. No Padre Eustáquio, Cerqueira Lima, Piedade e Parque Jardim, a I Semana de Combate ao Aedes aegypti terá início na segunda- -feira, 07.

 

A mobilização tem o objetivo de coletar criadouros removíveis, como garrafas, pneus, potes e vasilhas de plástico. Sacos de lixo serão disponibilizados para a população, que deverá juntar os materiais inservíveis e deixá-los sobre a calçada, nos dias determinados para o recolhimento. Caminhões e funcionários da Secretaria de Infraestrutura e do Serviço Autônomo de Água e Esgoto - SAAE - darão suporte à ação.

 

No primeiro dia de mutirão, as equipes estarão concentradas no Padre Eustáquio. O Cerqueira Lima é o segundo bairro a receber os serviços, na terça, 08. Em seguida, a ação segue pela Piedade, 09; e Parque Jardim, 10 e 11, quinta e sexta-feira. “A participação da população é fundamental para o sucesso das abordagens e, consequentemente, para a manutenção dos índices atuais em relação à dengue. Até o momento, nenhum paciente foi diagnosticado com a doença. Além disso, o último LIRAa identificou que cerca de 90% dos focos do mosquito estão dentro das casas, em quintais e varandas”, justificou o secretário municipal de Saúde, Fernando Meira de Faria.

 

LIRAa

 

O Levantamento do Índice de Infestação Rápido do Aedes aegypti – LIRAa - chamou a atenção para a necessidade de cuidados redobrados em relação aos materiais guardados nas casas e quintais e que possam servir como criadouros. A pesquisa, concluída em abril, foi realizada em 1.756 imóveis, em todas as regiões da cidade. O relatório apontou que das 70 amostras analisadas, 35 deram positivo para Aedes aegypti; 23 para Aedes albopictus e 12 para outros insetos como os “pernilongos”.

Deixe um comentário

FACEBOOK

NOTÍCIAS

asdadasd